Dia do Rei

Olá! :)

Depois de um tempo sumida, aproveitando a visita da mãe e passeando em alguns países da Europa (aos poucos arrumo tudo e posto para vocês), voltei para falar sobre a maior comemoração da Holanda: o Dia do Rei!

A primeira vez que essa festa foi celebrada foi em 31 de Agosto de 1885, no dia do aniversário da então Rainha Wilhelmina. Essa data se manteve até que, em 1949, Juliana (a filha de Wilhelmina) assumiu o trono e mudou o Dia da Rainha para 30 de Abril (dia de seu aniversário).

Depois dela, assumiu a Rainha Beatrix, que decidiu manter o Dia da Rainha no dia do aniversário de sua mãe. Em 2013, ela abdicou e quem assumiu foi seu filho Willem-Alexander (primeiro homem a assumir o trono em 123 anos). Por causa disso, em 2014, o Dia da Rainha passou a ser o Dia do Rei (Koningsdag) comemorado em 27 de Abril, dia de seu aniversário.

Nesse dia, as ruas ficam lotadas de pessoas vestidas de laranja (o laranja foi escolhido como uma forma de mostrar o orgulho pela Família Real Holandesa “Orange-Nassau”), comemorando e se divertindo como se fosse um carnaval. Fui a Amsterdam e ao Haarlem para ver a comemoração.

Muitas pessoas dançando, bebendo e se divertindo. Muitas barracas de comida. Muitos DJs e pessoas tocando. Muitos barcos passando nos canais cheios de gente dançando. Nas duas cidades, havia um parque de diversões na praça central (que já está lá há uma semana, mais ou menos).

Nesse dia, as pessoas podem vender coisas na rua. É só achar um espaço e você pode vender o que quiser, comida, bebida ou coisas usadas. Em Amsterdam, o Vondelpark é reservado para as crianças venderem seus brinquedos ou fazerem performances tocando e cantando (tinha várias aqui no Haarlem também).

Um dia divertido, muito esperado e aproveitado pelos holandeses!

Para mais informações, clique aqui (em inglês).

Por enquanto, fico por aqui. ;)
Escreva seus comentários e sugestões para os próximos posts.
Até a próxima!

Deixe uma resposta